LEIA MAIS@ 18/05/2022 - 17h36 | Atletiba: Pleno mantém pena aos clubes
LEIA MAIS@ 18/05/2022 - 15h25 | Inquérito: Auditor ouve Fellipe Bastos e supervisor do Goiás
LEIA MAIS@ 18/05/2022 - 14h00 | Hulk absolvido e clubes multados
LEIA MAIS@ 18/05/2022 - 11h19 | Comissão absolve lateral do Londrina
LEIA MAIS@ 17/05/2022 - 07h46 | INT x COR: Procuradoria solicita abertura de inquérito

Procuradoria determina inquérito para apurar injúria
11/05/2022 14h27 | STJD

Divulgação / STJD
a A

A Procuradoria da Justiça Desportiva determinou nesta quarta, dia 11 de maio, a abertura de inquérito para apurar a denúncia de injúria racial sofrida pelo atleta Fellipe Bastos, do Goiás, na partida contra o Atlético/GO, pela Série A do Campeonato Brasileiro. A Procuradoria pede ainda esclarecimentos e informações ao Atlético/GO, além de determinar envio de ofício para obter informações sobre o número e o andamento do Boletim de Ocorrência registrado pelo atleta.

A infração foi denunciada pelo volante após o jogo de domingo, dia 8, entre Atlético/GO e Goiás. O atleta Fellipe Bastos, da equipe do Goiás, deixou o campo revoltado e afirmou ter sido vítima de injúria racial praticado por um torcedor do clube adversário que o teria chamado duas vezes de "macaco".

Pela gravidade dos fatos, em especial pela afronta ao artigo 243-G do CBJD, e, sem vídeos sobre o episódio, a Procuradoria determinou:

I - a abertura de inquérito, na forma do artigo 81 e seguintes do CBJD;

II - a manifestação da equipe mandante Atlético/GO, sobre os fatos relatados, requisitando o fornecimento das imagens do setor onde teria ocorrido o suposto ato discriminatório após o apito final, além da relação de seguranças que estavam responsáveis por aquele setor, ou indicação da empresa responsável pela segurança do estádio, tudo no prazo de 03 (três) dias;

III - a expedição de ofício ao Grupo Especializado no Atendimento às Vítimas de Crimes Raciais e Delitos de Intolerância (GEACRI) daquele Estado, para informar o número e o andamento do Boletim de Ocorrência registrado pelo ofendido, o atleta Fellipe Bastos, referente ao assunto;

IV - a produção de todos os meios de prova legalmente admitidos".

O pedido de inquérito foi encaminhado para o presidente do STJD do Futebol, Otávio Noronha, que sorteará um auditor do Pleno para processar o inquérito.


As informações de cunho jornalístico produzidas pela Assessoria de Imprensa do STJD não produzem efeito legal.