LEIA MAIS@ 01/07/2020 - 13h21 | Comissão pune presidente do Minas Icesp
LEIA MAIS@ 30/06/2020 - 19h43 | Pleno não conhece recursos de clubes da Paraíba
LEIA MAIS@ 30/06/2020 - 17h28 | STJD mantém absolvição ao Brasil de Pelotas
LEIA MAIS@ 30/06/2020 - 17h00 | Pleno absolve Internacional
LEIA MAIS@ 27/06/2020 - 17h05 | Vice-presidente concede liminar ao Bota

Pal x Chape: Gum e Victor Luis julgados
08/11/2019 15h21 | STJD

Daniela Lameira / Site STJD
a A

A Expulsão dos atletas Gum e Victor Luis na partida entre Palmeiras e Chapecoense gerou punição aos atletas no STJD do Futebol. Julgados nesta sexta, dia 8 de novembro, Gum foi punido com uma partida de suspensão por jogada violenta, enquanto Victor Luis suspenso por duas partidas por reclamação desrespeitosa. A decisão foi proferida por unanimidade dos votos e cabe recurso.

Palmeiras e Chapecoense se enfrentaram no dia 16 de outubro. O confronto encerrou com duas expulsões. Aos 24 do segundo tempo Gum recebeu o vermelho direto por falta dura em Dudu. Dois minutos depois Victor Luis reclamou no banco de reserva e recebeu o cartão amarelo. Inconformado, o atleta do Palmeiras xingou a arbitragem e acabou expulso. A arbitragem informou que o jogador precisou ser contido.

Em sessão de julgamentos a Procuradora Adriene Hassen reforçou o pedido de condenação de ambos os atletas, enquanto o advogado Marcelo Mendes defendeu Gum e Alexandre Miranda pediu a absolvição de Victor Luis.

Responsável pela relatoria do processo, o Auditor Fernando Cabral Filho votou para aplicar uma partida a Gum no artigo 254 do CBJD por entender que a jogada violenta se amolda melhor na conduta do atleta e aplicar duas partidas a Victor Luis pelo desrespeito com a arbitragem.

Os Auditores Otacílio Araújo, Flavio Boson, Maurício Neves e o presidente Rodrigo Raposo acompanharam o entendimento e dosimetria do relator.


As informações de cunho jornalístico produzidas pela Assessoria de Imprensa do STJD não produzem efeito legal.