LEIA MAIS@ 21/09/2020 - 11h57 | Geromel denunciado por jogada violenta
LEIA MAIS@ 21/09/2020 - 10h20 | Potker em pauta da Quinta Comissão
LEIA MAIS@ 20/09/2020 - 14h09 | STJD nega pedido de adiamento da Caldense
LEIA MAIS@ 19/09/2020 - 18h45 | Presidente indefere pedido do Palmas
LEIA MAIS@ 18/09/2020 - 14h23 | Relator concede efeito suspensivo a Jô

ENAJD realiza 1º Workshop da nova Procuradoria
05/08/2020 18h05 | STJD

Divulgação
a A

A ENAJD (Escola Nacional de Justiça Desportiva) realizou nesta quarta, dia 5 de agosto, o 1º Workshop da Nova Procuradoria do STJD do Futebol. O evento, realizado através de videoconferência, debateu e orientou os Procuradores na produção de denúncias e atuação na Justiça Desportiva.

Diretor da ENAJD e Auditor do Pleno do STJD, Paulo Sérgio Feuz comentou sobre o evento e a atuação da ENAJD. “Ao assumir a diretoria da ENAJD a ideia é trazer a escola para dentro do STJD e pensamos em dois projetos iniciais: cursos para Auditores e outro para Procuradores. Aproveitando os efeitos da pandemia e a proximidade do Campeonato Brasileiro o objetivo é criar um fórum de estudos e conversas internamente.”

A convite do Procurador-geral Ronaldo Piacente, participou da abertura do evento como convidado especial o Procurador de Justiça Paulo Castilho que foi Promotor de Justiça do Juizado do Torcedor, membro da Comissão da elaboração do CBJD e autor do texto que inseriu a responsabilidade criminal no Estatuto.

“Conseguimos diminuir as ocorrências, número de policiais nos estádios, depredações nos estádios e estações de trem e metrô. Os jogos do Corinthians e Palmeiras chegaram a ter prejuízo de R$ 70 mil. Acho que é importante trabalhar junto com a Justiça Desportiva, Ministério Publico e o judiciário para que a gente consiga obter um resultado favorável para o futebol.”

Os Subprocuradores-gerais Glauber Navega e João Guilherme iniciaram o debate sobre a competência e atuação da Procuradoria nos Tribunais Desportivos. Logo após a importância da denúncia foi debatida pelos Subprocuradores Julia Gelli e Glauber Navega.

Os erros nas súmulas e suas consequências jurídicas foi o tema abordado pelo Subprocurador-geral Leonardo Andreotti, seguido pelo Subprocurador-geral Gustavo Silveira que destacou a importância da sustentação oral nas sessões de julgamentos.

No retorno do almoço o Procurador Geral Ronaldo Piacente e o Subprocurador-geral Michel Sader falaram sobre a atuação da Procuradoria em casos de infrações de racismo e homofobia praticadas por atletas e torcedores.

Ética, mídia e cuidados com as redes sociais foi o último tópico de debates. As dicas e cuidados foram repassados pelo Procurador-geral Ronaldo Piacente e pelo Auditor do Pleno Maurício Fonseca.

Ronaldo Piacente destacou a importância do evento para o desempenho da Procuradoria nas competições nacionais. “O evento foi uma grande oportunidade de trocar ideias e conhecimento na área. Foram destacados assuntos como o bom senso, a competência da Procuradoria, a ética, o racismo, a homofobia, o fair play financeiro e outros temas que irão nos auxiliar na confecção de denúncias”, concluiu o Procurador-geral.


As informações de cunho jornalístico produzidas pela Assessoria de Imprensa do STJD não produzem efeito legal.